25 dezembro, 2009

Relicário de um amor...

Relicário é um objeto que permita guardar relíquias de um santo. Modernamente vem sendo utilizado como algo que se destine a guardar também hóstias e/ou imagens de santos.
Não quero transformá-la em santa, até porque não convém. Mas hoje, ultimo dia do ano que eu estarei na internet, resolvi dedicar um post à ela. Ela que eu não posso dizer o nome, mas que sabe que ela é ELA. Ela que tem habitado meu coração por algum tempo já, que por travessuras do tempo e do destino, quando podemos curtir nosso amor mútuo, não podemos desfrutar de nada por questões pessoais, mas que devem ser respeitadas. Nesses tempos ela não saiu da minha cabeça, nem do meu coração, nem dos meus dedos, muito menos do meu violão. Como disse o Vinícius "Fomos enganados pelo tempo e o amor chegou tarde demais. E o amor é sempre um sentimento que a separação não deixa em paz". É bem por aí, tirando a parte que o amor chegou tarde demais. Praticamente um ano engolindo situações e imagens traumatizantes, o amor, o sentimento lindo do amor não se esgotou. Achei que tivesse sentindo isso por outras que eu julgava serem ELA, mas não chegam nem aos pés d'ELA. Julguei que amava, por duas vezes, mas hoje percebo que era uma tentativa de substituir, de maquiar o que sentia por ELA que estava inatingível. Não como uma santa, mas como uma mulher mesmo.
Ao seu lado problemas não existem. Ao seu lado só tenho vontade de sorrir. Ao seu lado eu não quero saber de nada no mundo lá fora do nosso mundo juntos. Nós dois somos imbatíveis. Somos gerador de energia, somos força que nunca finda. ELA tem o dom de me erguer nos momentos mais complicados com um só abraço, ou um beijo. ELA tb tem o dom de me deixar lá em baixo, no meio de trevas quando não deseja me ver. E ainda de me deixar mordido de ciúme quando simplesmente me diz que tem outro compromisso. Isso eu acho que ELA faz só de birra, mas ela pode porque é ELA. Outra qualquer me faria virar pro lado e seguir meu caminho, mas meu caminho está aliado ao d'ELA. Isso eu tenho certeza. Ela me fez sorrir, chorar, sentir dor, angústia, alívio, orgulho, prazer, tesão, cócegas, segurança, insegurança, ciúmes e muito mais que tudo amor. Um amor que eu já julgava não existir. Uma coisa louca, como um furacão de fogo que queima ao mesmo tempo que refresca e causa uma loucura sem tamanho por onde passa. Uma mistura de todas essas sensações. ELA é linda, simpática, cativante, sedutora, sensual, encantadora, inteligente, meiga, baixinha, bravinha, talentosa e despertou em mim o sentimento mais lindo e verdadeiro que eu já senti na vida.
Ontem eu escutei essa música do Nando Reis e pensei nela o tempo todo. Quantas vezes ao lado d'ELA eu pensei "Porque está amanhecendo?" fique noite pra sempre pra que não tenhamos que nos separar.
No ano novo estaremos separados. Isso me causa uma dor grande, mas ao mesmo tempo sei que tenho que dar esse tempo à ELA. Fico torcendo pra que nossos caminhos se cruzem e fiquem cruzados por muito tempo. ELA sabe que eu ficarei pensando o tempo todo n'ELA.
"Só o cheiro do seu cheiro não consigo deixar pra trás. Impregnado o dia inteiro nessa roupa que eu não tiro mais." Ah, quantas manhãs acordei com o cheiro dela no meu corpo... A alegria sem medida que realmente chegará a explodir no dia em que eu puder mostrar e dizer a todos que estamos de fato juntos, sem medo de nada nem ninguém. Quando esse dia chegar, podem ter certeza que a energia do mundo vai mudar porque teremos um ser apaixonado num êxtase de felicidade que não haverá limite nem espaço pra mais nada! Só alegria e mais amor. Esse amor que está guardado em nossos peitos e esperando que possamos juntá-los.
ELA sabe muito bem que ela é ELA...



É uma índia com colar
A tarde linda que não quer se pôr
Dançam as ilhas sobre o mar
Sua cartilha tem o A de que cor?

O que está acontecendo?
O mundo está ao contrário e ninguém reparou
O que está acontecendo?
Eu estava em paz quando você chegou

E são dois cílios em pleno ar
Atrás do filho vem o pai e o avô
Como um gatilho sem disparar
Você invade mais um lugar
Onde eu não vou

O que você está fazendo?
Milhões de vasos sem nenhuma flor
O que você está fazendo?
Um relicário imenso deste amor

Corre a lua porque longe vai?
Sobe o dia tão vertical
O horizonte anuncia com o seu vitral
Que eu trocaria a eternidade por esta noite

Porque está amanhecendo?
Peço o contrario, ver o sol se por
Porque está amanhecendo?
Se não vou beijar seus lábios quando você se for

Quem nesse mundo faz o que há durar
Pura semente dura: o futuro amor
Eu sou a chuva pra você secar
Pelo zunido das suas asas você me falou

O que você está dizendo?
Milhões de frases sem nenhuma cor, ôôôô...
O que você está dizendo?
Um relicário imenso deste amor

O que você está dizendo?
O que você está fazendo?
Por que que está fazendo assim?
Por que que está fazendo assim?

Talvez um dia, esse post não faça mais sentido. Eu posso descobrir que ela não é ELA, mas hoje, no meu coração, faz todo o sentido do mundo.

19 dezembro, 2009

Utilidade Pública

Então! Quando junta um bando de bebum sem o que fazer, um grupo de e-mail na internet e muita paciência dá nisso! E claro! se não fosse a mãe da Luciana, não saberíamos disso. Achei de extrema utilidade. E vai tb em homenagem ao Saulo, que desde que nos conhecemos ele vem pensando nisso.

Como gelar a cerveja rapidamente?????
A carne já está na churrasqueira ...


Aí, a galera chega com latas e mais latas de cerveja. Estupidamente quentes. Como gelar?


O professor Cláudio Furukawa, do Instituto de Física da USP vai responder essa questão.
É simples: Gelo no isopor, Para cada saco de gelo, coloque 2 litros de água e meio quilo de sal e meia garrafa de álcool.
A água aumenta a superfície de contato, o sal reduz a temperatura de fusão do gelo(ele demora mais para derreter) e por uma reação química o álcool retira calor.
Os físico-químicos denominam o líquido de "mistura frigorífica" :GELO, ÁLCOOL, SAL E ÁGUA!
A mistura frigorífica é barata e a cerveja fica no ponto de bala em 3 minutos. E esperar três minutos não é nenhum sacrifício, né?
Lembre-se de lavar a latinha ao retirá-la do isopor de forma a eliminar o gosto meio salgado que fica na tampa da lata. Para mulheres, crianças e frescos, vale lembrar que a técnica funciona também para garrafas pet de refrigerantes e latinhas em geral.

Se dá certo eu num sei. Mas que a explicação é boa, é! Então vale tentar.
Bom churrasco!

18 dezembro, 2009

Hoje estou me sentindo péssimo. Queria mesmo escrever alguma coisa, desabafar, mas não consigo. Depois de chorar uns 20 minutos no ponto de ônibus, mais uns 20 no caminho e uns 40 na porta de casa, esperei com muita esperança mesmo, que ela me ligasse, como tínhamos falado há pouco para que terminássemos nossos esclarecimentos que tanto me machucavam. Mas claro que não ligou. Eu que sou um idiota completo em acreditar nas pessoas. Subi e vim dormir segurando o choro que queria explodir. Explode agora e me impede de continuar escrevendo...
Fico aqui com essa dor insuportável no peito e sentindo o sangue escorrer...
Outro dia tento colocar alguma coisa útil aqui

10 dezembro, 2009

Uma boa opção


"Quem me vê sorrindo pensa que estou alegre
O meu sorriso é por consolação
Porque sei conter para ninguém ver
O pranto do meu coração"
Cartola


Coração este que se encontra rasgado e sangrando muito. Estive recentemente fazendo o balanço do meu ano. Num sei porque eu insisto nisso. Realmente esse ano foi um tanto melhor que o passado, mas não muito. Tem muitas partes boas, que depois serão ditas, mas as ruins... pelamordedeus! Puta que pariu! Com diz o Almir naquele samba "Destino, porque fazes assim? Tenha pena de mim!".
Meu disco que já ta virando novela, não teve uma mudança sequer de vírgula. Pois é... Agora o que mais me fudeu mesmo foi o campo destinado ao coração. Esse sofreu muito e continua sofrendo atualmente. Depois da traição decretada após minha subida no avião, no ano passado a coisa degringolou. Paixões avassaladoras se transformaram numa tsunami de decepções. Uma atrás da outra. Esses dias cheguei a conclusão. Eu realmente sou a melhor opção, mas só opção. Uma espécie de revista na sala de espera. Enquanto não se faz o que realmente deveria fazer, vc pega a revista e fica passando o tempo até aparecer a oportunidade que realmente interessa e vc joga a revista de lado pra fazer o que realmente você quer fazer. É isso! Sou uma espécie de "Caras". Que merda hein.
Mas é assim mesmo. Enquanto ninguém melhor aparece, vai eu mesmo. Afinal eu sou idiota mesmo. Me apego às pessoas, trato bem, sou cavalheiro, dou presente, ligo, elogio o cabelo, a roupa... Aí o que realmente é o objeto de desejo delas aparece, elas simplesmente me viram as costas e pronto. Afinal, agora num precisam mais de nada disso vindo da opção. Foi assim tantas vezes... Pior é que eu nunca percebo. Só vejo quando já foi. Já ouvi de alguém uma singela "você seria o primeiro da lista". Mas esse verbo no futuro do nunca, me coloca no meu verdadeiro lugar.
Recentemente comentei essa minha decisão com uma pessoa. Ela falou "Eu faço vc se sentir assim?" e eu respondi que não. Porque não fazia mesmo. Por uma série de razões, mas acho que hoje eu me sinto assim de novo. Não por causa dela, mas por causa de tantas vezes que isso aconteceu e de como a coisa está acontecendo hoje. Espero mesmo estar enganado. Posso estar me repetindo, mas gostar assim de alguém é novo pra mim. Achei isso há algum tempo atrás, mas não é nem de perto parecido. Enfim... creio que logo vou tomar outra queda. Espero mesmo estar errado quanto a isso. Mas por enquanto, sigo meu caminho procurando colher alguma flor que venha a nascer no meio de tanto espinho. E vou assim seguindo me sentindo a melhor opção, mas nunca a melhor oportunidade ou a melhor escolha.
Pior que nem pra padre eu sirvo. Tenho muitas divergências com a igreja católica. É... fudeu.