29 maio, 2008

Tem coisas...


... que só acontecem com o Botafogo. É a máxima mais máxima do futebol. E esse ano tá provando isso. Começamos sempre muito bem, mas depois a coisa desanda. Foi assim na taça Guanabara, onde a arbitragem ajudou um pouco o Flamengo. Daí ganhamos a Taça Rio. Quando a gente acha que a coisa vai pra frente... Tome nabo! 3X1 pro Flamengo na final do campeonato carioca... Que desgraça. E dessa vez foi na bola, ou na nossa incompetência? O Obina, que num joga porra nenhuma, mas tem o cu virado pra lua, entra no jogo e fica sozinho na área. Puta merda, igualzinho na Taça Guanabara.
Daí vem a Copa do Brasil. Vai jogando bem, ganhando... Mostrou que sabe jogar bola no primeiro jogo contra o Corinthians. Mostrou tb que sabe jogar com o regulamento na mão no primeiro tempo do segundo jogo. Mesmo com a palhaçada da arbitragem. E dessa vez foi uma coisa ridícula. O cuzão do juiz, que nem lembro o nome do palhaço, conseguiu prejudicar os dois times com faltas não marcadas, escanteios que viraram tiro de meta, tapas e bofetões que ele fingia não ver. E pra continuar no clima de palhaçada, o cara ainda explusa o Mano Meneses sem motivo algum. Segue o segundo tempo do mesmo jeito, mas com o Botafogo tomando o primeiro gol. Daí mostrou que tem time e que sabe jogar bola. Logo marcou o empate. Aí parece que achou que o jogo tava ganho. Numa falta besta, o Chicão meteu um golaço! Justiça seja feita, um gol daqueles é pra aplaudir. Com esse resultado o jogo vai pros pênaltis. O Botafogo tenta, tenta e não faz nada... Pra terminar a lambança e o show de horror protagonizado pela covardia e falta de competência do juizinho de merda que arrumaram pra um jogo importante, ele não dá nem um segunda de acrescimo. Com 4 ou 5 substituições, o fiofó apertou e ele mandou o jogo pros pênaltis.
Aí deu-se a desgraça. Tudo indo perfeito até a última cobrança do Zé Carlos. Bateu bem, mas o Felipe (sou fã desse cara) foi melhor ainda. Corinthians na final contra o Sport Recife. E nós botafoguenses fazemos o que? Voltamos pra casa, desolados.
Gosto do Cuca, é um grande técnico, os jogadores, individualmente são excelentes. Brigam correm mostram vontade têm tecnica, mas enquanto a bola queimar o pé de todo mundo em jogo importante, como aconteceu hoje, vamos continuar tomando nabo com a vantagem do empate.
Só que o botafoguense é assim. É louco pelo Botafogo e não perde a fé no seu clube. Num é daqueles torcedores que só falam quando ganha campeonato, ou quando o time tá bem. Até nisso essa semi-final foi justa. Duas torcidas apaixonadas pelos seus clubes.
Parabéns ao Corinthians! E ao Botafogo, coloquem a cabeça no lugar e lembrem-se que aqui, fora do campo existe uma legião de apaixonados que sofrem a cada matada de canela que acontece no jogo.
Que saudade do mestre Nilton Santos, que só vi jogar pelo video-tape...

Nenhum comentário: